Arquivo do mês: janeiro 2015

Curva

Uma curva é uma possibilidade, uma surpresa, um perigo, um risco, uma chance. De todo modo, independente do que ela guarda, ao dobrá-la é preciso diminuir o ritmo. Quando não sabemos o que vem, é preciso ter o volante sob … Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Reza

Cria, aprova, desaprova, refaz. Rabisca, apaga, passa a limpo, contorna, entrega. Lê, relê, resume, repete, preenche, esquece. Olha, olha de novo, grava, imagina, desenha, compara. Planta, molha, afofa, espera, colhe. Tempera, refoga, mexe, prova, serve. Levanta, anda, apressa, corre, retorna, … Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Aqui mesmo

Pensei que estivesse cansado de mim. De tantas promessas não cumpridas, achei que ele desistiria. Confesso que algumas vezes até quis que ele largasse mesmo de mão. Em algumas noites escuras, preferi ficar ali jogado no deserto, porque ali pelo … Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário